Deus é fiel para cumprir e fazer cumprir sua palavra

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

A FÉ

Tema: Hebreus 11.1-3

A fé pode ser conhecida e dividida em duas partes:

Fé Natural: As coisas que se esperam

Fé Sobrenatural: A certeza das coisas que não se veêm.

Por outro lado fé é a ausência total da dúvida, é a certeza, é estar convencido de fatos, antecipadamente, das coisas que vão acontecer em última analise "ACREDITAR EM DEUS".

Ao interpelarmos a natureza nos maravilhamos com os outros nomes, flora, fauna, enfim, com a criação, isto é, com os fatos concretos e comprovados.

Ora, não estavamos presentes no construção desta obra, mas ela está ai, bela e perfeita, como ela existe? .Alguém a fez. Pergunta... Qual ser humano poderia construir esta magnitude? Pela fé podemos concluir que DEUS é o construtor do universo. Pelos nossos olhos vemos a criação e pela nossa fé vemos o criador.

FÉ: MATEUS 15. 21-28

Indo Jesus para Tiro e Sidon, uma mulher Cananéia estava desesperada por sua filha estar endemonhada, porém ao ver JESUS pediu piedosamente misericórdia, alheio a seus gritos prosseguiu JESUS sem dar-llhe atenção; a insistencia da mulher foi tanta que os discipulos aconselharam a JESUS despedi-la; JESUS respondendo disse: Fui enviado para socorrer somente as ovelhas perdidas de Israel; a mulher cananéia se aproximou e então chorou a JESUS dizendo: Senhor socorre-me.

Disse JESUS: Não é bom pegar o pão dos filhos e deitá-lo aos cachorrinhos.

Disse a mulher: Sim Senhor, mas também os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa de seus senhores.

Então respondeu JESUS: Hó mulher, grande é a tua fé, seja isso feito para contigo como tu desejas; e desde aquele dia sua filha ficou sã.

ANALISE

Este é um grande exemplo de fé incondicional, esta mulher estava firme em sua fé, além de ser negado o seu pedido por ser cananéia foi comparada com cachorrinhos, nos nossos dias foi literalmente humilhada.

Mesmo assim sua fé não foi abalada, se contentou com uma migalha, como uma forma de misericórdia de JESUS, isto bastou-lhe para realizar seu desejo de fé, que foi o que finalmente aconteceu por meio de JESUS.

Quantos de nós passando pela mesma situação continuariamos clamando, desejando uma porção ainda que pequena das misericórdias de DEUS? Quantos de nós conseguimos ver a bondade de DEUS mesmo diante de dificuldades, sofrimentos e humilhações? Quantos de nós conseguimos alcançar está fé a ponto de transpor estes preconceitos e alcançar o trono de DEUS com uma fé que mova montanhas?

ESTA ANALISE CONTINUA...

segunda-feira, 19 de julho de 2010

ESTEVÃO



Quem era Estevão?
a muitos historiadores que dizem ter sido Estevão um dos 70 enviados por Cristo a evangelizar nas cidades ao redor de Jerusalém, todavia, o que sabemos sobre ele, é ter sido diacono da igreja primitiva da época, mas mais do que isso ele foi o primeiro máritr da história a ser morto pela causa do evangelho.
Este homem, teve coragem e fé suficiente para enfrentar todos os obstáculos que lhe sobreviessem a fim de proclamar as boas novas, teve peito para defender os ideais de Cristo e se possivel morrer por eles, estava disposto a enfrentar todos os obstáculos receber todas as pedras que lhejogassem, enfrentar todos os magistrados, falar com todos os fariseus e saduceus, sumo - sacerdotes e sacerdotes, enfrentar toda ordem eclesiastica ou não que viessem a lhe enfrentar, responder todas as perguntas com ousadia, ele realmente estava disposto a perder a sua vida e acha-la em Cristo na cruz.
Quantos de nos podemos viver como Estevão, disposto a dar sua vida pela causa do cristianismo, quantos de nós conseguimos abandonar os nossos lares, nossas familias se for preciso, nossa estrutura economica, a fim de viver um mandamento que nos diz: "IDE PREGAI O EVANGELHO A TODA CRIATURA", quantos de nós conseguimos viver um cristianismo pleno a ponto de realmente estar dispostos a morrer pela causa.
As vezes nos perguntamos: "ONDE ESTÃO OS MILAGRES? mas hoje me levo a perguntar outra coisa: "ONDE ESTÃO OS HOMENS DISPOSTOS A MORRER PELA CAUSA DO EVANGELHO?" entendam, o verdadeiro cristianismo não está na forma como recebemos de Deus mas no que estamos dispostos a oferecer a Ele para agrada-lo, o que temos para oferecer a DEUS senão as nossas vidas, será que realmente estamos dispostos a passar tribulações por Ele, estamos dispostos a sair pelas ruas não importando as circunstancias para levar a sua mensagem? estamos dispostos a perdoar com o verdadeiro perdão? estamos dispostos a travar nossas linguas quando falamos de alguém? Estamos dispostos a defender a causa do cristianismo sem esperar nada em troca? estamos dispostos a viver o verdadeiro amor ágape que excede a ponto dde perdoar os nossos inimigos e conviver com nossos irmão sem as picuinhas tradicionais que fazem parte de nossas rodas de conversas diárias? será que conseguimos viver sem aumentar o nosso ego achando-se super potente em nossas habilidades? Será que conseguimos disseirnir o ministério de Deus em nossas vidas, a ponto de nos colocarmos no lugar certo entendendo que Deus é o verdadeiro condutor de nossas vidas?
A meu ver o tempo está esgotando, Deus está selecionando soldados que estejam dispostos a realmente viver um cristianismo pleno abandonando toda comodidade criada pelo século XXI e juntando o testemunho de Estevão a sua causa, que a primeira vista seria somente o primeiro mártir da história, todavia, estava ali, Saulo de Tarso, o qual guardava as vestes dos homens enquanto assistia a execussão de Estevão, este homem foi um dos maiores perseguidores da igreja primitiva, mas também tornou-se em seu futuro um dos maiores missionários da causa do cristianismo aos gentios, escritor de 13 livros das escrituras conhecido como missionario Paulo este homem tornou-se um dos mais conhecidos homens dos tempos antigos e também um mártir que após ter sido arrastado pelas ruas de Roma puxado por cavalos foi então decapitado.
E você está realmente disposto a carregar a cruz de Cristo?
Está realmente disposto a viver um verdadeiro cristianismo?
Está disposto a alistar-se neste exército onde só vence aquele que perde a sua vida?
pense sobre isso?

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Conhecendo a verdade

Conhecer a verdade, é muito mais do que falar a verdade... viver a verdade é muito mais do que falar a verdade... mas o que é a verdade?
Quantos de nós podemos determinar os principios de verdade? quantos de nós podemos definir esta palavra em sua essência? quantos de nós podemos vive-la em toda sua magnitude? Quantos de nós podemos determinar os padrões de sua ecxelência? quantos de nós podemos dar a vida por defende-la?
Ao perguntarem para o mestre quem Ele era suas palavras foram simples: "SOU O CAMINHO A VERDADE E A VIDA" três coisas básicas as quais todos os seres humanos procuram respostas, todos precisam de um caminho para ser traçado, todos querem servir a verdade, e mais do que isso... todos querem alcançar a vida. Nós como cristãos temos encontrado o caminho, sabemos qual o caminho, vemos o caminho nitidamente nas nossas vidas, se alguém nos perguntar qual caminho conduz para a vida? prontamente reponderemos: CRISTO sabemos o que fazer para alcança-lo, sabemos o que fazer para ter vida, todavia, sabemos que é necessário viver a verdade para obter a vida, ninguém chega a vida sem passar pela verdade, ninguém chega a verdade sem encontrar o caminho, portanto se nós estamos no caminho, por que muitas vezes faltamos com a verdade, com aquelas mentiras pequeninas com a desculpa de que apenas ocultamos um fato e não mentimos, sabemos que para viver a verdade é necessario perder a vida, é necessario dar a vida por aquilo que acreditamos, e necessário dar nossa cara a tapa e defender a causa que cremos, viver a verdade é muito mais que conhece-la, a final, satanaz conhece a verdade, todavia, nem preciso questionar aqui o seu fim; conhecer apenas não é suficiente é necessário viver, é necessario entender que "TODO AQUELE QUE PERDE SUA VIDA ACHA-LA-Á" é necessario entendermos que somente no alcance da verdade é que alcançaremos a vida... somente assim esteremos dentro deste processo "CAMINHO...VERDADE" e então vida eterna com aquele que nos amou, remiu, justificou e salvou CRISTO O REI DOS REIS vale a pena perder a vida por Ele e você o que pensa sobre isso?